quarta-feira, 7 de julho de 2010

A Copa do mundo é nossa...


“A Copa do Mundo é nossa, com brasileiros, não há quem possa!”. Você já ouviu a frase de que brasileiro não desisti nunca? Pois é esse sentimento que me toma nesse momento. Apesar da dor, da desesperança, e do gosto amargo em admitir que não somos os campeões do futebol em 2010, sinto que temos plena consciência de que somos campeões em paixão, emoção e ternura por esse iluminado pais.
É por isso que digo que a Copa do Mundo é nossa. Talvez em nenhum outro lugar do mundo as pessoas se mobilizem tanto, e formem essa linda corrente de união que se vê durante o campeonato. Somos um povo lúdico. Sim! Um povo que acredita fielmente no poder das cores verde e amarela, na força da batucada, na crença de que temos uma energia e uma raça vistas em poucos lugares do planeta.
Acho importante acreditarmos e nossa capacidade de nos encantar. Diante de um mundo em que tudo é tão preto e branco, que acaba virando cinza. Onde as coisas e pessoas são valoradas conforme a lei do mercado financeiro e, devido a isso, tudo acaba sendo muito nivelado por baixo: as coisas perdem o poder de surpreender... acho sim importante acreditar. Acreditar que somos um pais campeão, os reis da bola, a cultura de um povo alegre, humilde e trabalhador.
Mas que seja bem lembrado. Que o espetáculo não sirva apenas de pão e circo, mas como motivação para prosseguir. Sim, não fomos campeões, mas ainda há 2014.
Tudo tem um fim. Mas que o fim seja o início de novos ciclos e possibilidades. Espero sinceramente que esse seja o rumo da Copa de 2014. Eu, infelizmente, terei de abandonar a escrita nesse blog, pois novos caminhos me impedem de garantir a devida atenção e carinho que esse espaço merece. Porém, apesar de optar por novas rotas, não posso deixar de agradecer por essa oportunidade e de reconhecer que, espaços como esse são pontos de luz a iluminar as nossas vidas, muitas vezes tacanhas e tímidas no jeito de ser.
Acho que, assim como esses campeonatos, que são organizados para unir e disseminar a alegria, o amor e a paz, espaços cibernéticos com propostas realmente comprometidas com a verdade e a saúde, tal como esse site o é, são possibilidades de lançar palavras que produzam a melhoria e a qualidade de muitas vidas.
Agradeço de coração, meu coração estará sempre aberto a vocês.
Beijos, Tati Mitleton

2 comentários:

Geisa disse...

Tatica, Flor... Pena saber que irá sair! Sentirei falta dos seus textos aqui no nosso pedacinho!
Bjocas

Dai disse...

Tatiiiii

Eu só não peço (obrigo) pra ficar, porque acho tão interesssante caminhos novos. Acho sempre a novidade sempre convidativa. Siga em frente, com toda a boa sorte do mundo.

beijo