terça-feira, 20 de abril de 2010

Desafios

Desafios são situações com as quais nos deparamos e que topamos resolver sem saber ao certo como, sem saber direito qual caminho tomar. Quando topamos um desafio, temos que nos esforçar, achar outras rotas, novos caminhos de pensamentos, de sentimentos... devemos inovar para encontrar uma solução que ainda não conhecíamos, que não tínhamos ainda criado! Desafiar é criar!

Várias pessoas dizem: devemos transformar os problemas em desafios! Eu acredito que o Problema também seja algo a ser resolvido, algo que se mostra em formato de questionamento, com um ponto de interrogação, que convida a desvendar. Porém, essa palavra “Problema” traz algo de negativo, enquanto que a palavra “Desafio” está mais diretamente relacionada a algo que põe alguém à prova, que testa seus conhecimentos, sua dedicação, seu esforço. Considerando que a diferença seja apenas essa, do ângulo do olhar, é melhor optarmos olhar pelo lado que impulsiona!! Pelo lado que cria e equaciona!! Como aprendemos, desde cedo, na escola, equacionar é reduzir um problema em partes diferentes e mais facilmente resolvíveis! Equacionar um problema é, portanto, transformá-lo em desafio!!

Há momentos, em nossa vida, em que nos deparamos com grandes problemas, que nos tiram o sono, despertam gastrite, arrepiam os cabelos! Talvez, seja a hora de tirarmos nossos grandes compassos e calculadoras (mentais e emocionais), pegarmos lápis, borracha, caneta e papel, arregaçarmos as mangas e começarmos a equacionar!! Vamos nessa?!


*Geisa*

5 comentários:

Dai disse...

Geisa,

Não é que sempre vale a pena a gente esperar?! rs

Verdade, não é? Nunca tinha pensado em problema e desafio por esses ângulos...

Já peguei a minha calculadora, mas não HP (né Cah e Chen?!) porque tem teclinhas demais...

beijo

Ótimo Post!

Daniel Savio disse...

Pior que as vezes, nem sei aonde deixei o meu lápis e borracha para resolver tais problemas...

Fique com Deus, menina Geisa.
Um abraço.

Nara disse...

Nunca fui boa nesses negócios de equação, hein?

Mas vamos, vamos, vamos!

Beijo,
Nara

Fabito disse...

Eu também nunca gostei muito de equações, mas olhando por esse novo ângulo, é uma ótima oportunidade de fazer diferente.
Beijos, Geisa, você ilumina minha vida!

Geisa disse...

É isso aí, Dai! Se for para equacionar, eu também prefiro a calculadora mais simples!rsrs Bjocas

Daniel, sabe, muitas vezes, eu também não encontro lápis e borracha para resolver meus problemas mais complicados... mas, me parece que eles ficam ali, esperando por um olhar mais demorado e pedindo para que eu os decifre... Bojs

Nara, pode ter certeza que você deve ser muito boa nesse tipo de equação, mas nem deve perceber! É só olhar para a sua vida e ver quantas delas você já conseguiu resolver! Fazer isso nos dá até uma energia, ne?! Vamo que vamo sim!! :)

Fabito, como sempre, você topa encarar os desafios e olhar por novos ângulos! Resolve os problemas com tal maestria que nem há como dizer!

Pessoal,
Muito obrigada pelas contribuições aqui no nosso blog!! Continuem sendo bem-vindos!! Bjos