sexta-feira, 21 de setembro de 2012

Poesia secreta


Tema da semana: drogas alternativas.



Ir comer pastel. É sair e pôr o pé na feira. A feira me traz um não sei o que de paz. Pura e simples paz. Não sei se são as cores de pimentões, repolhos, tomates, maçãs, peras e outras frutas vegetais verduras. Não sei se é o cheiro de coentro, pimenta do reino, temperos, rosas, pastel. Não sei se são as pessoas com seus carrinhos, os feirantes com sua presteza, as pombas com sua despreocupação.

Deve ser a poesia secreta da feira que sossega o meu coração.

3 comentários:

Lê Fernand's disse...

amo igualmente.



=)

Carolina disse...

Eu também adoro feiras, de todos os tipos. Adoro as cores, as pessoas... acho tudo uma delícia. Dá uma vontade danada de sair experimentando a vida.

Daiany Maia disse...

Que bonito isso, o colorido que faz contraponto ao cinza de todos os dias
cinzas

beijo